Orquídeas Laelia – Aprenda Todos Os Segredos Para Cultivá-las

As orquídeas Laelia são um gênero com 23 espécies aceitas atualmente, sendo que a maioria dessas espécies são mexicanas.

Antigamente várias outras espécies eram também consideradas como Laelias, mas aos poucos elas foram mudadas para o gênero cattleya.

Continue lendo para aprender um pouco mais sobre a história desse gênero e também como cultivá-las.

História

Orquídeas-Laelia

As orquídeas Laelia tem uma história muito interessante sobre a classificação de suas plantas.

Antes os gêneros Cattleya, Laelia e Sophronitis eram considerados como gêneros relacionados, ou seja, são gêneros em que era possível realizar a hibridação entre espécies.

Mas após algum tempo foram realizadas pesquisas genéticas nesses gêneros.

Então foi possível perceber que algumas orquídeas que eram classificadas como Laelia, na verdade deveria ser classificadas como Cattleyas.

E por isso, grande parte das Laelias que eram nativas aqui do Brasil, se tornaram cattleyas.

Um exemplo muito famoso é a Laelia purpurada, cujo o nome correto é Cattleya purpurata.

Além disso, várias plantas que antes eram conhecidas como Laeliocattleya foram movidas para o gênero cattleya.

Para que você entenda um pouco mais sobre essa confusão, veja como diferenciar essas espécies.

Agora vamos ver um pouco mais sobre as características dessas orquídeas.

Características

Laelia-albida

Elas são nativas principalmente do México, mas também aparecem em vários outros países como:

  • Brasil
  • Caribe
  • Costa Rica
  • El Salvador
  • Entre outros

Sobre as suas flores, elas normalmente são muito coloridas, tendo geralmente um tom de rosa.

Elas normalmente são orquídeas epífitas ou litófitas, e o seu crescimento na maioria das vezes é simpodial.

Agora vamos ver um pouco mais sobre o cultivo dessa planta.

Como Cuidar Das Orquídeas Laelia

Laelia-autumnalis

As orquídeas Laelia podem ser consideradas de fácil cultivo, normalmente cultivadores iniciantes não vão ter muita dificuldade para cultivá-las.

Abaixo estão os principais fatores que você deve se preocupar:

Temperatura

Elas gostam de uma temperatura mediana, sendo que de manhã o recomendo é algo entre 21 a 25ºC.

Durante a noite, para se estimular a floração, uma queda de 6 a 8ºC é o ideal.

Normalmente as laelias gostam de uma temperatura um pouco mais quente do que as cymbidiums.

Iluminação

Elas não gostam de luz direta, normalmente a única coisa que você deve fazer é copiar a iluminação utilizada para cattleyas.

Mas basicamente, evite um sol direto e sempre verifique as folhas de suas orquídeas, se estiverem mais escuras, precisa de sol e se estiverem mais claras, estão com excesso de iluminação.

Uma dica é que você tente descobrir de onde a sua orquídea é natural.

Dessa forma, o único trabalho que você terá é tentar imitar a temperatura do habitat natural de sua orquídea.

Adubação

Agora vamos falar um pouco mais sobre a adubação em laelias.

Elas não precisam de muito adubo, normalmente uma adubação com um quarto de força durante o período de crescimento já vai ajudar a sua orquídea.

E durante o inverno, não adube.

Umidade

A umidade é algo que eu não posso te indicar.

Mas observe o habitat natural de sua planta, normalmente quanto maior a altitude em que ela viver, mais baixas serão a umidade e a temperatura.

Conclusão

Laelia-speciosa

As orquídeas laelia, são um gênero um pouco menos conhecido do público em geral, mas mesmo assim elas são orquídeas incríveis.

Se você quiser aprender mais sobre como cultivar orquídeas, eu recomendo que acesse alguns dos artigos abaixo:

E se você gostou desse artigo, nos ajude a divulgá-lo para mais pessoas, compartilhe-o em suas redes sociais clicando nos ícones abaixo:



Artigos Relacionados: